SEJA BEM VINDO

SEJA BEM VINDO

quarta-feira, 9 de maio de 2018

Qualimpor Wine Day por Apreciadoras de Vinhos





As Apreciadoras de Vinhos estiveram no evento Qualimpor Wine Day 2018 que aconteceu na Casa Miracolli, na Rua Colômbia no nobre bairro do  Jardim Paulista ( São Paulo).
A Tema Assessoria de Comunicação foi  responsável pela assessoria de imprensa.

Nós não poderíamos deixar de registrar esse evento que contou com o Cava Freixenet, os vinhos Herdade do Esporão, Quinta dos Murças, Quinta do Crasto, Taylor's e Quinta do Ameal, todos  da importadora Qualimpor.

     


















Vamos aos nossos registros:

Cava Freixenet:Com mais de 100 anos de tradição, Freixenet é a maior produtora de vinho espumante de qualidade do mundo. Com sede localizada em Penedès, na Catalunha, Espanha, foi fundada em 1861 e segue  à risca os métodos de champenoise na fabricação de seus cavas.
Foto das Apreciadoras de Vinhos com Fabiano Ruiz- Diretor Executivo da Freixenet


Cava Rodestiu: 30%Macabeo, 30% Parellada e 40% Xarel-lo, vinificação entre 9 e 12 meses.

Cava Freixenet Vintage:Elaborado com uvas Macabeo, Xarel-lo e Parellada.


Cava Reserva Real: Processo de produção manual e envelhecimento mínimo de 30 meses, esse cava foi desenvolvido em 1987 devido a visita dos reis da Espanha à sede da Freixenet.



Elyssia Grand Cuvée :Elaborado com uvas Chardonnay, Macabeo, Parellada e Pinot Noir; proporciona aroma de acácia e mel com fundo de frutas maduras como abacaxi e pêssego.;

Elyssia Pinot Noir: Com viva coloração rosada e de intensidade média, este Cava é elaborado com coupage 100% Pinot Noir



Quinta do Ameal:Esta Quinta é uma propriedade antiga de 1710, com beleza natural, localizada no Vale  do Lima, onde são criados e produzidos vinhos brancos de excelência feitos a partir de uma casta de uvas portuguesa chamada Loureiro.
Foto com Pedro Araújo proprietário da Quinta do Ameal

Os vinhos produzidos, exclusivamente a partir de uvas cultivadas organicamente na Quinta,  assentam numa filosofia de produção muito própria que se traduz em concentrar a maior atenção e energia na vinha, conseguindo assim produzir uvas  de grande qualidade.

Vinho Bico Amarelo:castas 20% Alvarinho, 60% Loureiro, 20% Avesso.Maturação de 3 a 6 meses em cuba de inox com removimento regular de borras finas.
Produzido nos Vales do Minho, Lima e Douro, onde respetivamente aquelas castas mostram o seu potencial mais marcante.Região de produção – Vinho Verde.


Vinho Quinta do Ameal Loureiro:castas Loureiro.Região de produção – Sub-região do Lima.
Maturação de 3 a 6 meses em cuba de inox a temperatura controlada.Límpido e cor citrina claro. Aromas florais e frutados bem combinados e equilibrados, próprios das uvas bem maduras da casta Loureiro.



Vinho Quinta do Ameal Escolha:90% Loureiro e 10% Arinto.Fermentação e estágio em barricas de carvalho francês durante 6 meses.Límpido e cor citrina. Aromas florais, flor de laranjeira. Frutado, bem combinado com o abaunilhado e fumado resultante do estágio em barricas de 225 litros de carvalho francês de Nevers. Não é envelhecido em barricas novas mas sim usadas por nós anteriormente


“Quinta do Ameal – Solo”: Casta Loureiro.Maturação de 3 a 6 meses em cuba de inox.
Produzido no Vale do Lima – Nogueira, onde a casta Loureiro atinge a maior expressão aromática e gustativa (terroir).




Herdade do Esporão:apresenta condições únicas para a agricultura e para o Enoturismo. Possui cerca de 700 ha de vinhas olivais e outras culturas potenciadas  pleo modo de produção biológica e produção integrada, onde estão plantadas cerca de 400 castas,  4 variedades de azeitonas, pomares e hortas.

Apreciadoras de Vinhos com o Diretor Comercial Global Diogo Melo e Castro

Vinho Pé Branco:Castas Antão Vaz, Perrum e Arinto.Este vinho apresenta-se frutado, com aromas citrinos e um paladar fresco e elegante.

Vinho Pé Rosé:Castas Aragonêz, Syrah, e Touriga Nacional.Apresenta cor ligeiramente rosada, aroma a remeter para morangos silvestres e uma paladar suave e fresco.

Vinho Monte Velho Branco: Castas Antão Vaz, Roupeiro e Perrum.
Vinho Monte Velho Tinto:Castas Aragonêz, Trincadeira, Touriga Nacional e Syrah.



Esporão Colheita Tinto:Castas Touriga Franca e Cabernet Sauvignon.



CURIOSIDADE:Todo ano após a colheita se modifica o rótulo desses vinhos abaixo. 

O Esporão Reserva é um vinho para momentos memoráveis. Com um sabor envolvente, tradicional e distinto, é feito para consumidores que gostam de apreciar um vinho especial e procuram o que a vida tem de melhor.
Uma bebida feita para marcar e brindar fatos importantes, refeições especiais e também para agradar os paladares mais sofisticados. O rótulo muda a cada ano, sempre com alguma bela obra de um artista gráfico.
História do primeiro rótulo: eles foram nivelar o terreno e encontraram uma pedra muito grande, então foram buscar uma escavadeira para retirar a pedra, quando começaram a tirar os moradores não deixaram, dizendo que tinha  a pedra um formato de rolha e se a tirassem iria prejudicar a terra, então essa foi a inspiração do rótulo com a pedra.



Quinta do Crasto: produz anualmente 1.400.000 de garrafas de vinho do Douro e vinho do Porto de diversas categorias. Além dos vinhos produz anualmente 45.000 garrafas de azeite virgem extra.

Vinho  Crasto Rose:Castas 85% Touriga Nacional, 15%Tinta Roriz. Excelente frescura aromática da Touriga Nacional em perfeita harmonia com a elegante textura da Tinta Roriz.

Vinho Xisto Roquette &Cazes:Castas Touriga Nacional, Touriga Franca e Tinta Roriz.



 Taylor's Port:



Foto Apreciadoras de Vinhos com o renomado Carlos Cabral e  Fernando Seixas (Export Sales Manager) Taylor's

O Tawny Taylor’s 20 Anos é um magnífico e delicadamente constituído lote de tawnies velhos, produzido em quantidades limitadas. Portos tintos seleccionados, produzidos nas zonas este do Vale do Douro, incluindo quintas próprias da Taylor’s, são envelhecidos em cascos de carvalho nas caves da Taylor’s em Vila Nova de Gaia. No Tawny 20 Anos, a fruta acaba por aveludar mais do que no 10 Anos e os aromas especiados e de frutos secos, dados pelo envelhecimento, são mais poderosos e intensos. Tal como o 10 Anos, o 20 Anos é engarrafado quando está pronto a beber e não requer nenhum tempo extra de estágio em garrafa. 

E assim terminamos mais uma postagem especial com muitos vinhos de qualidade e importantes personalidades do vinho. Tim Tim e até a próxima postagem!


Elogios a Tema Assessoria e a Qualimpor!

                                                   http://www.qualimpor.com.br/